Cruz Vermelha Brasileira – Minas Gerais

150 famílias atendidas em Paraopeba

“Quando eu crescer quero ser médico”. Foi a primeira coisa que João Paulo, de cinco anos, disse ao ver a equipe da Cruz Vermelha na porta de casa na manhã deste sábado (20), no bairro Industrial em Paraopeba, a 100 quilômetros de Belo Horizonte. Longe da escola, com sonhos de infância confinados ao lado de dois outros irmãos pequenos durante a pandemia da Covid-19, ele foi um dos mais empolgados entre as 150 famílias em vulnerabilidade do município que receberam hoje doações humanitárias da CVB-MG.

A mãe, Regina Márcia de Souza, agradeceu a entrega da cesta básica, do material de higiene e limpeza para contribuir na prevenção ao Novo Coronavírus em casa. “Pra gente está tudo mais difícil, tivemos um benefício cortado, falta emprego, a doação faz muita diferença”, disse a dona de casa, de 40 anos. A Cruz Vermelha levou um total de 4350 quilos de donativos para a população local e contou com o apoio do Centro de Referência em Assistência Social (Cras) de Paraopeba.

Cinco viaturas e um caminhão foram utilizados na operação, que envolveu o trabalho de uma equipe de 16 pessoas da CVB-MG. Desde o início da pandemia, a instituição tem realizado a entrega de porta a porta para comunidades de diversas cidades do estado. Além disso, a Cruz Vermelha também tem entregue materiais de proteção individual, máscaras e luvas para instituições de abrigo, hospitais e profissionais da linha de frente contra a pandemia da Covid-19



 

PALAVRAS-CHAVE

COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email